Amamentação e vínculo afetivo

Como a amamentação contribui para o vínculo emocional mãe-bebê

Em Semana Mundial de Aleitamento Materno, com o tema voltado às alianças, fico feliz em receber essa contribuição muito especial da Psicóloga Graziela Becker.

“Essa semana é especial e o assunto mais ainda. Vamos falar sobre a importância da amamentação e seus benefícios para o vínculo emocional mãe-bebê. Amamentar é um assunto muito abordado assim que a mulher se torna mãe. Durante a gestação também é o momento de preparação para a lactação.

O vínculo emocional mãe-bebê vai sendo construído desde a gestação, mas é após o nascimento que os cuidados se intensificam, as emoções dessa mãe ficam a flor da pele, surgem questionamentos, dúvidas e inseguranças, afinal a amamentação vem acompanhada de disponibilidade, doação em período integral, dia e noite.

A amamentação é um momento em que o bebê se sente amparado pelo corpo materno e assim pode sentir o contato e sugar com tranquilidade, pois a amamentação proporciona segurança e conforto para a criança. Para a mãe, esse momento também deve ser visto dessa forma, como um momento agradável que contribui para a produção de leite e amor. O bebê já nasce com o reflexo de sucção o que contribui para que esse momento seja construído e único entre a mãe e o bebê.

A lactação é a oportunidade que a mulher tem para se conectar com seus aspectos mais internos, suas raízes emocionais, deixando aflorar os instintos maternos que fazem parte da construção genética feminina. Quando a mãe se permite vivenciar tudo isso, o encontro e o vínculo construído com o bebê se desenvolve de forma natural, a ligação simplesmente acontece, é difícil encontrar em palavras uma definição que traduz essa díade.

No momento em que a mulher se permite ser ela mesma, utilizar do apoio, proteção e da sua confiança materna, as dificuldades ficam pequenas. Isso proporciona fortalecimento, encontrando a melhor maneira junto com seu bebê para manter a amamentação até o momento em que for bom para ambos. O bem estar emocional, a troca de afeto e o amor que a amamentação proporciona é um vínculo único e contribuirá muito para o desenvolvimento emocional do bebê.”

Com carinho, Psicóloga Graziela Becker
www.facebook.com/maternarecuidar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *